Quinta-feira, 11.03.10

 

...viro espetada no sítio do costume!

 

Depois de ter sido operada à coluna (em 2001) fiquei com os tendões do pescoço muito tensos, eles por si só devido à minha doença muscular já são enfraquecidos e de mobilidade reduzida, mas posteriormente à cirurgia a tensão provocava-me umas dores que têm vindo aumentar com o passar do tempo...andar para além de ser cansativo, torna-se um suplício! Uma maneira de explicar o que sinto, quando qualquer um de vocês anda, anda simplesmente...é um acto natural. Eu quando ando tenho que pensar que estou andar por causa do meu pescoço!!! (isto é realmente muito freak e estranho, mas é a única forma de explicar...porque o resto, as dores não se explicam!).

 

Assim depois de muitas pomadas, massagens, panos quentes e frios, e nenhuma destas opções resultar decidi optar pela acupunctura. Levei algum tempo até me decidir, primeiro porque não conhecia a Medicina Tradicional Chinesa e porque tinha algum receio confesso...não das agulhas, mas das condições de segurança e confiança no tratamento.

 

Agora passadas 9 sessões de tratamento semanal estou rendida, não posso dizer que estou boa, provavelmente nunca irei ficar como nova :P mas não tenho as dores, muitas vezes, insuportáveis que tinha, andar já é bastante mais agradável, quase como antes da operação...tenho esperança e confiança que com o continuar dos tratamentos ainda venha a sentir mais progressos!

 

Tenho que referir a Clínica do Dr. Pedro Choy, pela qualidade do atendimento e assistência durante os tratamentos e também pelas condições da clínica. Não é um tratamento nada barato, mas quando temos estas condições e vemos as melhoras esperados acho que o dinheiro é bem empregue. Convém também desmistificar as agulhas, as agulhas utilizadas nos tratamentos não são as agulhas a que estamos habituamos, são ultra finas, e não dói mesmo nada quando espetam ou durante o tratamento e se alguma vez sentimos dor vem o médico recolocá-la para que não cause dor! Às vezes acontece uma nódoa negra ou outra, mas é um mal menor :P (felizmente ainda não aconteceu na cara, a única agulha que levo na cara é entre as sobrancelhas por isso se algum dia acontecer vou parecer uma indiana lol). 

 



publicado por Teresa às 16:37 | link do post | comentar | ver comentários (8)

Terça-feira, 09.06.09

O ser humano é um ser insatisfeito por natureza, regra geral nunca estamos bem com o que temos! Ó característica mais irritante esta, quem nos fez assim devia estar num dia não...mas quando o querer algo deixa de ser capricho e é uma questão de saúde o caso muda totalmente de figura e por isso decidi escrever este post, dado que em comentários anteriores alguns blogueiros compartilharam comigo a mesma luta que eu travo, o desejo de engordar!

 

Isto não é puro capricho, sou demasiado magra e embora não esteja num estado de magreza extrema que coloque em perigo a minha vida, tenho que engordar para o meu bem-estrar geral, quero mesmo engordar por mim, já vai longe o tempo em que os médicos me ameaçavam constantemente, nessa altura era sem dúvida uma questão de saúde!

 

Desenganem-se os que pensam que engordar é muito fácil, é muito mais difícil do que emagrecer (isto dizem os próprios médicos). Compreendo que quem tem que emagrecer também deve ser um esforço tremendo, mas ter que "enfiar "comida constantemente sem ter vontade de comer é mesmo dose! Isto de querer engordar já se arrasta há bastante tempo, engordo e se alguma coisa me abala lá vão os kilos que engordei de carrinho...a engordar é sempre às pinguinhas, mas a irem embora vão num aiiii! Com essa intenção consultei uma nutricionista para me ajudar e esta é a medida que recomendo a todos que querem engordar, porque cada pessoa é um caso diferente e tem de adaptar a dieta ao seu estilo de vida e eventuais problemas de saúde (p.e. diabetes, colesterol, etc.). É verdade eu, a 'olivia palito' cá de casa, também tenho colesterol que não é certamente pelo que ingiro, mas sim hereditário! (olhem só a minha sorte lol)

 

 

De qualquer modo, deixo aqui a dieta que me têm vindo ajudar a engordar:

 

Peq. Almoço: 1copo de leite com chocolate + 2 fatias de pão* (sempre com 2 ingredientes)

* ou 4 bolachas (tipo maria) ou 4 tostas ou cereais. (é verdade 4 bolachas equivale a 1 pão!)

 

Meio da manhã: 1 yogurte líquido + 2 bolachas ou 1 compal + 2-3 bolachas

 

Almoço: Meio pão + Sopa (preferência com muitos legumes) + prato (100gr de carne ou peixe e acompanhamentos*) + Sobremesa

 * salada e/ou legumes + 4 colheres de arroz ou 4 batatas pequenas ou 2 porções de massa.

 

Lanche: Sumo nectar + pão doce* (croissant, pão de leite com 2 ingredientes),

* pode ser um bolo (2x por semana)

 

Jantar: (Sem sopa) Prato (igual ao do almoço) + fruta

 

Ceia (antes de deitar): 1 copo de leite com chocolate

 

Nota: Os pratos, tanto ao almoço como ao jantar, devem ser sempre constituídos da seguinte maneira: metade do prato deve corresponder a legumes e/ou salada, a outra metade do prato deve levar a carne ou peixe e o respectivo acompanhamento.

 

Há complementos que também podemos tomar para aumentar o número de calorias que se come diariamente com esta dieta como por exemplo Nutridrink, é tipo batido, há de diversos sabores à venda na farmácia e é recomendado pelo médicos, aconselho a beber fresco senão é nojento e enjoa ao fim de beberem semanas e semanas seguidas (2x por semana chega bem)! Outras formas de aumentar a dose calórica por dia, é meter clara de ovo ou leite em pó nas sopas, beber batidos caseiros, compotas de fruta, especialmente Blédina. Muito importante nunca ficar mais de 2h sem comer, mesmo que seja pouco convém ir sempre comendo!

 

Se seguir a dieta engordo com toda a certeza, a 'preguiça em comer' é que às vezes não ajuda nada! Eu que adoro cozinhar, gostava tanto de gostar de comer a sério...estou  mesmo a fazer pela engorda, daqui a 1 mês dou notícias sobre este assunto.


sinto-me:

publicado por Teresa às 21:02 | link do post | comentar | ver comentários (28)

Quarta-feira, 25.03.09

Não costumo ir muitas vezes ao centro de saúde. Não é por nada, mas a minha médica deixa muito a desejar e como costumo dizer "sou complicada demais para ela", não desfazendo dos outros médicos dos centros de saúde espalhados pelo país, quero crer que existem por aí bons médicos de clínica geral.


Ontem lá fui eu ao centro de saúde porque precisava de receitas e análises, chego ao 12h para tirar a senha.


As senhas são colocadas à 13h, ok...tenho 2 pessoas à minha frente, não é grave. Busco o meu livro na mala e começo a ler, estava tão interessante...as conversas das pessoas que iam chegando sobre a falta de senhas, as complicações que o simplex trouxe e a crise aborreceu-me e fiquei sem vontade de ler!


Entretanto chega a avó yo yo que ia marcar uma consulta para ela e fez o favor de me acompanhar, eu quase que tenho medo da médica coitada, ela não faz mal a uma mosca mais parece um zombie em pé, acho que lhe encostassem um dedo é capaz de cair, mas atrofia-me e a companhia da avó yo yo soube muito bem. Depois de colocarem as senhas e chegar ao meu número, desço ao 1º andar para outra sala de espera.

Espero e desespero, porque a médica anda de um lado para o outro até começar atender doentes e quando começou atender, depois de 3 utentes atendidos, cansou-se e teve que ir fumar um cigarrinho, isto é verídico e diz quem sabe, que ela não consegue atender mais que 3 utentes seguidos!


Chega a minha vez, lá entro eu e avó...mas entretanto a médica perde-se porque encontrou a Mariazinha e ficou a conversar! Aparece com aquele ar alucinado, mas quase morto...e pergunta-me o que é que eu preciso, foi tão directa que assusta. Eu vou pedindo as receitas para tudo que quero e a minha médica conhece-me tão bem que nem o meu nome sabia! Adiante, é assustador vê-la atender um utente... A passar as receitas treme a escrever que parece vara verde ao vento, não sei se balança as pernas por debaixo da mesa, mas a cadeira faz aquele barulho irritante durante toda a consulta! É digno de comédia.

Diz a minha avó que a médica estava de bom humor, que tive sorte que me passou tudo...no fim da consulta eu despeço-me normalmente e a avó yo yo sai-se com esta para a médica "está muito bonita sra.doutora, mudou a cor do cabelo não foi?" ao que a médica responde toda derretida "foi mudei!" ó minha nossa, poupem-me...conselho da minha avó "ela gosta destas graçolas, fica bem disposta". NÃO!!! Tirem-me deste filme!

 

Foi assim a minha ida ao centro de saúde, saio sempre de lá tão bem disposta com tanta palhaçada! Ministério da Saúde ou quem de direito, veja estes casos e dêem a reforma a estes senhores(as) que já não estão em condições próprias para cuidarem da saúde dos portugueses.

 

P.S.- Só para apimentar a coisa porque hoje sinto-me terrivelmente maléfica, a minha avó já pediu à médica para lhe passar receita para a minha pílula, não passou porque tenho de ser eu a ir a uma consulta com o meu nome, ok tudo bem, as regras são para se cumprir. E quando ela passa a mesma pílula para mim ao meu TIO F., digam lá que não é cómico! Outra da zombie O., medir a tensão e auscultar qualquê...nem nunca lhe vi o auscultador, deve-lhe pesar no pescoço e era capaz de cair para o chão a senhora coitada, o meu pai quando vai a uma consulta, enquanto espera por ela porque ela arrasta-se mais que caracol mede a tensão a ele próprio LOL E digno de ser ver é a confusão de papéis que reina na secretária dela, o meu pai por vezes endireita-lhe os papéis e diz-lhe onde estão os que ele precisa, é digno de ver e eu já assisti!


sinto-me:

publicado por Teresa às 10:17 | link do post | comentar | ver comentários (4)

Terça-feira, 17.03.09

 

Está confirmado que os microrganismos gostam muito de mim, para além de ser a minha área de trabalho, gostam tanto tanto de mim que fizeram o favor de se infiltrar no meu corpinho afim de me fazer companhia 24h por dia!

Já não bastava as bactérias que me provocaram a famosa blefarite das aventuras oftalmológicas, estou ainda em tratamento quanto a este assunto e a limpeza dos olhos, e pestanas será para durar e durar, cujas toalhitas de limpeza não são comparticipadas pelo  nosso sistema de saúde, porque é considerado um produto de cosmética/beleza!

Adiante, agora  os cogumelos atacaram-me os pés como disse o amigo Ima :P este era um problema que já me vinha atormentar algum tempo, mas como tenho outras maleitas mais importantes a tratar, o pé foi sendo esquecido e como a comichão ia e vinha conforme os dias, as estações...chegou ao estado da comichão insuportável!!! Então tenho um fungo no pé que segundo um dermatologista tinha morrido, pelos vistos estava só latente, visto que alastrou da unha para a planta do pé (é um visão horrível, está com mau aspecto mas não assim tanto como soa!). O meu novo dermatologista que é um cómico com sotaque britânico cujas palavras portuguesas custam a sair às vezes, disse-me que a pele vai recuperar em 2 semanas com o antifúngico que estou a tomar, a unha é que vai demorar mais um tempinho a ficar como nova visto que é lá que reside o cerne do problema, o "casulo do bicho"! Tratar do meu pé é tão importante que é a tarefa 12 da minha lista.


sinto-me: só a mim...

publicado por Teresa às 21:02 | link do post | comentar | ver comentários (10)

Quarta-feira, 03.12.08

Na semana passada fui com o meu pai ao centro de saúde. É um local que não costumo ir muitas vezes, não por precisar poucas vezes de cuidados médicos (infelizmente), mas sim porque cada vez que vou a um centro de saúde ou urgência hospitalar costumo sair de lá pior do que entrei, sou um bixo raro, mas adiante...como tal foi uma 'visita' curiosa em que observei aquilo que deve ser o dia-a-dia de um centro de saúde.

 

Constatei que as instalações e aparelhos que têm até estão boas dado que é do estado, não tem o conforto e luxo que algumas clínicas privadas têm, mas está muito bem para os efeitos que têm, a única coisa que tenho apontar é que são sítios sempre muito sisudos, não há cores alegres nas paredes (em Londres os hospitais são coloridos, isso anima uma pessoa) e sorrisos das pessoas que trabalham nestes locais para com os utentes também há poucos...E aqui chegamos à parte fundamental da questão! Entre queixas e demoras oiço um senhor dizer "isto até está muito avançado na parte tecnológica, o problema é que em termos de recursos humanos tem vindo a diminuir", ora bem esta também foi a minha opinião...até podemos ter condições boas em que somos assistidos, mas não temos a simpatia, o sorriso, a ajuda mínima da pessoa que nos atende (há sempre excepções, estou apenas a dar a minha opinião da generalidade). Todos temos direito a ter um dia mau, a não estar com paciência para grandes festas e conversas, mas um sorriso para quem está a ser atendido não custa então quando estamos doentes sabe tão bem e só sabem dificultar a vida aos utentes é incrível. E bem sei que isto que assisti no centro de saúde passa-se na maioria dos locais públicos.

 

Fui tratar de uns assuntos relativos à minha isenção, isto porque no dia que fiz 25 anos deixei de estar isenta sabe-se lá porquê...pois ninguém sabe explicar, o que é certo é que não faz sentido porque tenho um atestado de incapacidade que é vitalício como tal a minha isenção tem todo o sentido que seja vitalício, qualquer pessoa de bom senso entende isso. Bem felizmente tive sorte e fui atendida por uma "boa pessoa", uma pessoa que tem perfil para estar num local destes, que tem consciência e bom senso, resolveu-me a situação em menos de 1minuto, fiquei com o assunto da isenção tratada, vitalícia como tenho direito.

 

Eu não sou daquelas pessoas que está sempre a criticar o país e o governo, pelo contrário, as pessoas que me conhecem sabem o quanto sou patriota e é difícil ouvirem-me falar 'mal' do nosso país, mas criticar o que nos parece que está mal acho que é um dever de todos como cidadãos. Para mim um dos grandes males do nosso país são as pessoas, as mentalidades, a falta de entreajuda entre as pessoas...vivemos na selva do salve-se quem pode, são as pessoas todas que constroem o que um país é, se não nos unirmos e ajudarmos nunca chegaremos a lado nenhum!

 

P.S.- O título foi uma brincadeira e mera referência, estilo os livros da Anita :)


sinto-me: apeteceu-me falar sobre isto!
música: Mafalda Veiga - Os Imortais

publicado por Teresa às 19:04 | link do post | comentar | ver comentários (4)

Quem sou & onde estou...

Caracolinho é alcunha claro está! Digo-vos que me assenta que nem uma luva...Gosto da minha concha, de me sentir protegida, quanto ao resto... tenho um mundo inteiro para descobrir e desbravar, talvez me encontre verdadeiramente num recanto qualquer. A vida é feita de encontros e desencontros e agora começo a percebê-lo!

Perfil

Setembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


101 Things on 1001 Days

Lista de Tarefas


(49/101) 49% Realizadas!
Posts recentes

Todas as quartas-feiras

A difícil tarefa de engor...

Centro de saúde [2º round...

Os "microbichos" & eu

Caracolinho vai ao Centro...

Dias agitados...

comentários recentes
Boa tarde,O anti inflamatório que tomei foi o beta...
Não, isto aconteceu num laboratório! :)
Boa noite,Qual anti inflamatório seu médico lhe in...
faz parte de um parque natural??
estes comentadores sao muito perversos!! o:
Tags

todas as tags

Posts mais comentados
Links
Dedução de despesas com saude animal em IRS
Baú de posts
blogs SAPO