Quinta-feira, 25.03.10

*não gosto que me digam que tenho uma borbulha algures na cara, já é suficientemente mau tê-la!

 

*gostava de conseguir tomar decisões sem pensar no que os outros vão pensar...

 

*não sou revoltada por ter uma doença crónica, o que me lixa é ter que pensar sempre se me vou prejudicar...deve saber bem agir ou fazer alguma coisa sem pensar em mais nada, apenas aproveitar o momento.

 

*a família do lado perneta sofre de uma dependência assustadora! Gostam tanto uns dos outros, ajudam-se tanto, vêem-se tantas vezes que chega a ser claustrofóbico...as 'verdades' ficam por dizer porque as pessoas levam a mal (principalmente os mais velhos) e pensam que por dizermos certas coisas isso significa que não gostamos da família, se eles soubessem que é precisamente ao contrário...

 

*já fui tão independente e agora parece-me tão distante...gostava de o voltar a ser, porque me faz bem, me faz sentir que sou capaz de fazer tudo o que os outros fazem, mesmo que seja a ritmo de caracol, e porque sentia que os meus pais tinham orgulho em mim.

 

*às vezes queria mudar de vida, de terra...quiçá país, de trabalho, mudar tudo como acontece tantas vezes nas histórias que leio. Felizmente sinto que não mudaria a minha família caracol, nem o j..

 

*gosto mais dos meus animais do que algumas pessoas que conheço.

 

*não consigo dormir bem sem ti.

 

*sou muito apegada à minha caracolândia, a melhor família do mundo, gosto tanto deles que me custa desamarrar-me! Mas também me custa viver longe do j., o amor pelos 3 é tão grande que me aperta o coração ter de tomar decisões, detesto sentir que ficam magoados comigo...deviam saber que todos são importantes para mim, sempre o serão de uma maneira ou de outra.

 

*pareço uma mulher à beira da típica crise existencial de meia idade, o problema é que tenho apenas 26 anos!

 

Pensei muito antes de escrever este post, porque sei que pessoas próximas lêem às vezes o meu blog e este post NÃO é um recado para ninguém! São só mais uns desabafos, umas linhas que me deixaram aliviada depois de as escrever...foi por isso que criei o blog, é algo meu e se não escrevo o que sinto só porque alguém pode ler, perderia todo sentido continuar com isto...


sinto-me: solta

publicado por Teresa às 21:36 | link do post | comentar | ver comentários (6)

Segunda-feira, 08.02.10

Às vezes era bom termos um botão de pausa, para avançar e recuar...parar também apetece em certas alturas, mas parar é morrer.

 

É bom pensar que recuava de bom grado, porque as boas recordações do passado sobrepõem-se aos maus momentos. Mas neste preciso momento só  me apetecia avançar para o dia em que volto a estar contigo, os dois felizes algures, onde quer que seja...

 

 


sinto-me: perdida
música: Black Eyed Peas - meet me halfway

publicado por Teresa às 09:18 | link do post | comentar | ver comentários (8)

Segunda-feira, 18.01.10

Às vezes o tempo leva-nos o encanto que determinadas pessoas exerciam em nós, que uma área despertava no nosso eu mais interior, a magia infantil que as reuniões de família suscitavam e tantas outras coisas...Dizem os velhos que o tempo cura tudo...não é mau, não é bom, é simplesmente o curso natural da vida (acho eu!).

 

* soube-me bem escrever este post, mas voltei a lê-lo e pensei "que porra de conversa à velha!" (como não tenho hábito apagar o que escrevo, vai assim...)

 

 


sinto-me: amadurecer

publicado por Teresa às 19:06 | link do post | comentar | ver comentários (6)

Segunda-feira, 26.10.09

Estou de volta! Não vou relatar as preocupações médicas, o stress com o mestrado, os arrufos de namoro, enfim todos os desânimos e desventuras da minha vida que me têm 'consumido' as energias (pelo menos não neste post). Quero animar, é com esse intuito que voltei a escrever  no blog, gosto tanto do meu cantinho e por vezes não lhe tenho dado  a atenção que desejaria...ah é verdade o meu blog fez 2 anos no dia 13 de Outubro! Quero tanto que a força, com que estou hoje, não me abandone (please).

 

Deixo aqui uma frase que o caracol do mar me disse um dia e que me ajuda tantas vezes "quando estamos num meio de um ribeiro, não se volta para trás...há que seguir em frente".

 

p.s.- a todos que se preocupam comigo, vejo pelos vossos comentários que é sentido, muito obrigado.


sinto-me: blessed
Tags: , ,

publicado por Teresa às 19:10 | link do post | comentar | ver comentários (6)

Sábado, 15.08.09

Será que todos os seres vivos sabem quando chega a sua hora de partir? Sempre pensei que sim e isto é que me custa, porque olho-a nos olhos e parece que sabe que está na hora...


Agarro-me à esperança, agarro-me aos pequenos sinais que a Daisy me dava todos os dias, por mínimos que fossem....lamber o pêlo um bocadinho, espreguiçar-se, chatear-nos com os miados insistentes ou andar sempre atrás de nós, tudo servia para eu me alegrar e sentir que as melhoras vinham para ficar...as melhoras foram embora tão rápido que nem nos apercebemos.

 

Agarro-me a tudo e tento convencer-me a mim e aos outros que não é a hora dela, que ainda é nova para um gato (7 anos), se calhar estou apenas a enganar-me a mim, não a quero perder já! Só que não sei que posso mais fazer, quando lhe damos comida à seringa, porque se tem recusado a comer sozinha, quando lhe damos comprimidos suspira tão profundamente como se tivesse cansada de viver, dá luta até certo ponto, depois deixa-nos fazer o que quisermos porque já não tem forças e sinceramente também estou a ficar sem forças, a minha pequenina está a ir-se e não me deixa ajudá-la, talvez saiba que não vale a pena, talvez esteja cansada demais e queira descansar...

 

Só posso lutar até certo ponto, o resto ultrapassa-me e resta-me apenas rezar para que melhore senão talvez seja mesmo a hora de partir da Daisy...


sinto-me:

publicado por Teresa às 20:35 | link do post | comentar | ver comentários (28)

Quem sou & onde estou...

Caracolinho é alcunha claro está! Digo-vos que me assenta que nem uma luva...Gosto da minha concha, de me sentir protegida, quanto ao resto... tenho um mundo inteiro para descobrir e desbravar, talvez me encontre verdadeiramente num recanto qualquer. A vida é feita de encontros e desencontros e agora começo a percebê-lo!

Perfil

Setembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


Postcards Exchange
101 Things on 1001 Days

Lista de Tarefas


(49/101) 49% Realizadas!
Posts recentes

Confissões à beira dos 27

forward

Encantos perdidos

Voltei (com mais força!)

A esperança no limite...

1 ano depois...

Cheguei à Indonésia...

Um pouco de tudo (e nada)

Dias agitados...

Faz-te à vida gaja!!!

comentários recentes
Boa tarde,O anti inflamatório que tomei foi o beta...
Não, isto aconteceu num laboratório! :)
Boa noite,Qual anti inflamatório seu médico lhe in...
faz parte de um parque natural??
estes comentadores sao muito perversos!! o:
Tags

todas as tags

Posts mais comentados
33 Comentários
Links
Dedução de despesas com saude animal em IRS
Baú de posts
blogs SAPO
Add to Technorati Favorites